Ir para Conteúdo

Blog

Ana Cunha
Customer Service no .PT
13-07-2020
Quo Vadis Internet
A 1ª vez que usei a Internet foi quando precisei de acesso à mesma para uma cadeira de programação. A Internet não era como a conhecemos hoje, inclusive algumas redes foram desligadas na primeira metade dos anos 90 do séc. XX. Quando um colega me pediu para testar algo que estava a ser criado no CERN, mal eu sabia a revolução que seria este novo conceito: carregar em hipertextos que nos levam a nova informação de forma simples, permitindo em breve o uso generalizado da Internet. Vejo agora que se fazia história e que o Mundo nunca mais seria o mesmo!

Pouco depois estava a trabalhar num dos primeiros ISP. Quem se lembra como era o acesso? Modem a apitar, os pais a ralhar que a linha do telefone estava impedida, mas apareceu logo a Netline, uma linha telefónica só para ligar à Internet!

Contudo, ainda me faltava uma etapa evolutiva e em 1998 comecei a viagem no .PT, onde até hoje faço parte da Internet com marca Portuguesa, ou esta faz parte de mim, não sei bem.

Na Internet assisti em direto a muitas mudanças em Portugal e no Mundo, algumas tristes e com graves implicações mundiais, como o 11 de Setembro, testemunhando, incrédula, a morte que acontecia do outro lado do Atlântico.

Não obstante os "maus” usos da Internet, esta é a melhor ferramenta que a Humanidade tem, devendo ser usada para incluir, informar e melhorar o Mundo. A Internet aproxima-nos, permite-nos rir e partilhar a vida, e trabalhar com gentes de todo o mundo (olá Austrália!).

Tenho orgulho que os desenvolvimentos na Internet, em particular em .pt, tenham permitido grandes progressos na forma de aceder à informação, comunicar e trabalhar à distância, fazendo do longe perto. Vi, com mais orgulho ainda, o .PT reagir rapidamente e ser o exemplo numa pandemia gravíssima, protegendo as suas pessoas, generalizando algo que já existia, o teletrabalho. Mas, o .PT não ficou por aqui, ajudou a desenvolver Portugal online, com diversas iniciativas e dinamizou várias outras do foro social. Tudo feito por pessoas isoladas, mas a trabalhar em conjunto numa equipa coesa, garantindo sempre os serviços e a segurança da informação.

Neste século XXI não sei que níveis de integração com a Internet atingiremos ou se teremos outras redes. Por exemplo: uma Exanet para comunicar com o Espaço. Estarei a sonhar alto? Acho que não. Só tenho uma certeza, o futuro irá surpreender-nos! 

Curiosidade: A 1ª página web.
Clique aqui


Voltar aos Posts