Ir para Conteúdo

Blog

Andreia de Brito
Legal Advisor do .PT
29-06-2020
O coleguismo em tempos de COVID
O coleguismo em tempos de COVID
Os benefícios do teletrabalho, por muitos de nós ignorados durante anos de labuta, ficaram bem expostos (ou deveria dizer impostos?!) aos olhos de todos nós em tempos de COVID, atrevo-me até a dizer que muitos daqueles que ao princípio desconsideravam a realidade do trabalho remoto (mea culpa), antevendo, legitimamente, as dificuldades acrescidas de disciplina, concentração e divisão entre a vida profissional e familiar, hoje aceitam-na com relativa facilidade e surpresa face às vantagens de maior autonomia, flexibilidade e redução de custos ambientais com as quais uma boa parte dos trabalhadores e empregadores portugueses se foram familiarizando nos últimos meses.

Nós, no .PT, estamos em trabalho remoto desde março – mês ao qual se remonta o início "dos tempos de COVID” em Portugal – e o crescimento acentuado na percentagem de novos nomes de domínio registados e a serena manutenção do ritmo da nossa atividade, são, a meu ver, prova da preparação de toda a equipa .PT para se adaptar a um novo regime laboral (que não nos era totalmente desconhecido) e a novas condições sociais.

Posto isto, quero, ainda assim, confessar de que há coisas de que sinto falta. Sinto falta dos bolinhos cuja presença assídua no escritório é sempre prontamente justificada por mentes criativas e gulosas, sinto falta dos almoços participados na copa (ou sem ser na copa) a falar de comida enquanto se come, tão tipicamente português, sinto falta dos convites costumados para vícios teimosos, sinto falta da vista com que uma tal de janelaindiscreta do .PT nos brinda todos os dias.

Esclareça-se que não é o coleguismo que falta, disso temos com fartura no .PT, é das manifestações de coleguismo que só são possíveis com proximidade e presença física ainda confinadas em período de desconfinamento.

É, porém, o coleguismo que me leva a compreender que ainda é prudente que todos estejamos tão proporcionalmente afastados como resguardados e, enquanto isso, o coleguismo continuará a ser vivido e experienciado todos os dias através dos convívios e conversas informais no Zoom, no Teams ou numa outra plataforma digital a que os tempos de COVID nos tenha apresentado.

Voltar aos Posts